sexta-feira, 6 de janeiro de 2012

DO QUE SOMOS


não somos produtos
não somos números
não somos consumidores
não somos nomes
não somos empregos

e nunca estaremos prontos!

( Fabio Rocha )

4 comentários:

Rebeca dos Anjos disse...

Somos tantas coisas que nos afastam de Sermos.

Fabio Rocha disse...

Muito bem, amor!

Brenddaneves disse...

Adorei teu manifesto poético contra esta sociedade consumista, fugaz onde o homem torna-se descartável...

Fabio Rocha disse...

Obrigado, Bendda!